sexta-feira, 8 de maio de 2015

Resenha | Ratos – Gordon Reece

Shelley e a mãe foram maltratadas a vida inteira. Elas têm consciência disso, mas não sabem reagir — são como ratos, estão sempre entocadas e coagidas. Shelley, vítima de um longo período de bullying que culminou em um violento atentado, não frequenta a escola. Esteve perto da morte, e as cicatrizes em seu rosto a lembram disso. Ainda se refazendo do ataque e se recuperando do humilhante divórcio dos pais, ela e a mãe vivem refugiadas em um chalé afastado da cidade. Confiantes de que o pesadelo acabou elas enfim se sentem confortáveis, entre livros, instrumentos musicais e canecas de chocolate quente junto à lareira. Mas, na noite em que Shelley completa dezesseis anos, um estranho invade a tranquilidade das duas e um sentimento é despertado na menina. Os acontecimentos que se seguem instauram o caos em tudo o que pensam e sentem em relação a elas mesmas e ao mundo que sempre as castigou. Até mesmo os ratos têm um limite.


Ratos é um livro com um enredo tenso e uma narrativa (feita pela protagonista) calma e sombria. Shelley passou longos oito meses sofrendo bullying na escola. Ela sempre teve consciência disso, mas nunca soube exatamente como reagir a isso. Ela se compara com a personalidade de um rato, pois sempre pensou que precisava abaixar a cabeça e fugir dos gatos. Nunca contou nada para ninguém até que os ataques ficaram sérios e colocando sua vida em risco, ela possui cicatrizes que sempre a lembram desses momentos terríveis. Desde então, ela e sua mãe - Elizabeth - resolvem se mudar para uma casa isolada da cidade (como ratos). O que elas não esperavam, na verdade, é que essa paz que elas tanto desejam, não vai permanecer por tanto tempo e que o pesadelo está só começando, resta saber como sair dele.

A narração é em primeira pessoa, e com isso o leitor acompanha não só os passos de Shelley como também seus pensamentos e mudanças. Todo momento eu me sentia angustiada e com raiva. E ao mesmo tempo em que eu criei uma simpatia pelas duas, e também as condenava. Não conseguia entender elas. E é uma total contradição isso, já que inconscientemente a gente torce por algo que é errado, um errado que pelo ponto de vista de mãe e filha parece certo, mas lá no fundo da nossa mente a gente sabe que é errado. E isso é muito angustiante.



Considero o livro um thriller que trabalha o estado psicológico da mãe e filha e nos mostra, como - infelizmente - acontecimentos podem mudar uma pessoa e despertar sentimentos que nem sabemos que podem existir, ainda que essa pessoa seja frágil e insegura. Achei surpreendente o desenrolar da história. O rumo e as reviravoltas a cada capítulo. O livro é bem curtinho e a história intensa, eu não quis largar ele de jeito nenhum, não até que descobrisse o que aconteceria.

Thriller/terror não é o gênero que predomina na minha estante, mas depois de ver vários elogios e indicações de Ratos, decidi dar uma chance e juro que não me arrependi. Fiquei extasiada e concentrada no livro durante toda a leitura, se não depois dele também. Achei fantástico o que o autor escreveu. As cenas descritas são muito perturbadoras e tão bem contadas que parece surgir um filme em nossa mente.

Fora o trabalho maravilhoso da editora Intrínseca, o cuidado e os detalhes da capa. As folhas também estão ótimas, diagramação, bom espaçamento. Ratos foi a minha grande surpresa até então. Super indicado!

Lá no instagram, me marcaram na TAG #1LivroEm10Emojis (criada pelo @bookboxbrasil - mais criativo que ele só dois dele, sofri pra fazer a TAG, mas amei!!) e o resultado foi esse:


A ordem dos emojis não tem nada a ver com o rumo que a história toma, justamente para não influenciar a leitura de ninguém. 

4 comentários:

  1. Que ótima resenha, esse livro sempre me chamou atenção. Adorei quando voce respondeu com os emojis... Mas agora, lendo a resenha escrita, preciso dizer q vou atrás desse livro! Adorei o blog, já está nos favoritos! Obrigado pela citação <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Thiago! Eu fico feliz que tenha gostado! Eu adorei fazer essa TAG e já penso em fazer com outros livros hahaha!

      Bjss

      Excluir
  2. melhor resenha desse livro quero muito ler esse livro

    ResponderExcluir
  3. Ótima resenha!! Sempre que vejo este livro tenho vontade de comprar, mas acabo escolhendo outro hahahahaha
    Da próxima vez vou dar um chance a ele!

    www.nacasadoslivros.com.br

    ResponderExcluir