terça-feira, 21 de abril de 2015

Resenha | O Herói Perdido - Rick Riordan

Novos e conhecidos personagens do Acampamento Meio-Sangue dividem espaço nesse primeiro volume da série Os heróis do Olimpo. Rick Riordan volta ao universo de Percy Jackson e os Olimpianos com ainda mais aventuras, humor e mistério. Depois de salvar o Olimpo do maligno titã Cronos, Percy Jackson e seus amigos trabalharam duro para reconstruir seu mais querido refúgio, o Acampamento Meio-Sangue. É lá que a próxima geração de semideuses terá de se preparar para enfrentar uma nova e aterrorizante profecia. Os campistas seguirão firmes na inevitável jornada, mas, para sobreviver, precisarão contar com a ajuda de alguns heróis, digamos, um pouco mais experientes - semideuses dos quais todos já ouvimos falar... e muito.


Não resisto a um livro do Rick Riordan. Adoro me envolver no tema mitologia. E na série "Os Heróis do Olimpo" a gente vê novas histórias. Além da mitologia grega. surge agora de Roma!

Começamos com novos personagens, um Jason desmemoriado, uma Piper apaixonada e um Leo atrapalhado, mas carismático. Já no início, já temos bastante ação. Jason procura entender como ele foi parar em um ônibus junto com Piper e Leo que afirmam que eles são amigos até que eles são atacados por Espíritos da Tempestades durante um passeio escolar e também descobrem que o treinador Hedge nada mais é que um bode, ops, sátiro.

Paralelamente, Percy sumiu, e Annabeth parte em sua busca, mas encontra Jason, Piper e Leo e os leva para o Acampamento Meio-Sangue. Para não perder o costume, claro que tem aquela profecia né:

"Sete meios-sangues responderão ao chamado.
Em tempestade ou fogo, o mundo terá acabado.
Um juramento a manter com um alento final.
E inimigos com armas às Portas da Morte afinal."

Sendo assim, os três novos campistas são reclamados pelos seus pais e escolhidos para partir em missão em buscar da rainha Hera que foi sequestrada e para impedir que algo ainda pior que a Guerra dos Titãs vista no último livro do Percy Jackson e os Olimpianos aconteça.

Apesar de HDO ser uma espécie de continuação de PJO e parecer que o autor só quer enrolar depois do sucesso da primeira série, o que me encanta mesmo é o conteúdo e a pesquisa. O primeiro livro da série Os Heróis do Olimpo é muito mais rico em detalhes. Vemos a Medeia, o Rei Midas, Gaia, Porfírion e como introduz a mitologia Romana, conhecemos o outro lado dos deuses, como Juno, Júpiter, Vênus, Vulcano... A história da adaga Katoptris de Helena, Jasão e o próprio surgimento do Acampamento Romano, que acredito, vai aparecer mais nos próximos livros. Em "O Herói Perdido" tudo ainda é uma descoberta. A história é contada em terceira pessoa, mas alterna o ponto de vista dos novos personagens entre os capítulos. E cada um possui sua personalidade e particularidades. Ninguém é o principal ou o mais forte. Todos eles são os heróis e os três do sete da grande profecia.

Quem me acompanha no instagram, sabe que só tenho os dois primeiros volumes da série e disse que não ia correr com a série justamente para poder completar ela. Mas ficou difícil resistir à continuação com o final, fiquei super curiosa com a última frase de Jason!!! Opaa! Não tem jeito, amo esse tipo de livro, Os Heróis do Olimpo já me conquistou! E estou ansiosíssima para continuar com O Filho de Netuno.

2 comentários:

  1. Sou suspeita pra falar, pois sou fanática pelos livros do Tio Rick (intima pq sim u.u kkk), mas tenho certeza de que como eu, você vai se apaixonar pela série. Meu preferido não estava muito definido no começo, mas com o desenvolver da história e conhecer os personagens, você acaba amando todos.... mas minha paixão platônica é o Léo..me indetifico muito com o jeito desastrado dele kkkk. Agora deixa eu parar senão solto spoilers kkkk...

    http://nascidaparahonrar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Rick tem alguma coisa que me faz adorar os livros dele! kkkkkkkk Gostei muito do Heroi Perdido, só não continuei a série porque ela não tá completa :( Aí ficar lendo um e ficar com vontade de ler o outro não dá né... Mas também to amando o jeito do Leo haahah

      Um beijoo Vivi! Obrigada pelo comentário!

      Excluir