segunda-feira, 6 de julho de 2015

Resenha | O Irresistível Café de Cupcakes - Mary Simses

Ellen é uma advogada de Manhattan e seu noivo está prestes a se tornar um importante político. Tudo em sua vida parece estar perfeito e no caminho certo. Até que ela decide realizar o último desejo de sua avó e entregar em mãos uma carta. Para isso, ela precisa ir para Beacon, uma charmosa cidadezinha do interior. Entre cupcakes de blueberry e deliciosas rosquinhas, Ellen desvenda os mistérios da vida de sua avó. Aos poucos, ela descobre os simples prazeres da vida e que "perfeito" nem sempre é o que parece.
O romance de estreia da autora Mary Simses traz uma deliciosa história (não só no nome), com uma trama bem escrita e rica em detalhes, bons diálogos e personagens divertidos. É aquele típico romance levinho mas com um algo a mais que o torna, talvez, irresistível, como o título sugere.



Ellen está disposta a cumprir o último desejo da sua avó: ela precisa entregar uma carta de amor em mãos para Chet Cummings na pequena cidade de Beacon, onde os acontecimentos é de conhecimento de todos. Como advogada, Ellen tem tudo planejado nos mínimos detalhes e não pretende ficar mais do que 24 horas na cidade. Tudo o que ela precisa fazer é entregar a carta, voltar para Nova York, sua carreira de sucesso e os braços do noivo, Hayden Croft. Mas como qualquer pessoa, ela também tem momentos de leveza e espontaneidade, e é nesse momento que sua vida toma outro rumo, sem ela perceber. Quando Ellen se distrai com sua câmera, ela acaba se afogando no mar e é resgatada por Roy - o carpinteiro do local. Levada pelo impulso de ter sido salva, ela o beija. Lembrando que Beacon é uma cidade pequena, tem um jornal local, muita receptividade... Sabe como é. Além disso, ela descobre que encontrar o Chet não é tão simples assim. E quando isso acontece, ela percebe que precisa ficar mais que um dia no local. 

Entre encontros e desencontros, alguns divertidos, outros desastrosos, Ellen se vê em um grande dilema, quanto mais tempo ela fica no lugar, mais fácil ela visualiza um futuro ali. Conhecer o passado da avó, aquela que tanto amou e tanto a ensinou, trouxe mais do que ela esperava, trouxe questionamentos para a vida, trouxe o amor, a leveza e simplicidade da vida e trouxe blueberries também.
"Talvez seja necessário entender melhor os seus sentimentos. Quer dizer, os seus sentimentos de verdade. Isso pode ser um pouco mais difícil do que você imagina."

O livro é narrado em primeira pessoa e os diálogos são no estilo dos livros americanos, "entre aspas". A narrativa é deliciosa, não é cansativa e os personagens são realmente muito cativantes. É claro que algumas partes da história possui aquele clichê básico, mas a forma como são contados cada encontro (proposital ou não) é gostoso de ler e te faz imaginar/querer estar no lugar da personagem, o romance presente na história surge de forma gradual, suave e sincero, o que torna a leitura ainda mais agradável. 

Não tome essa leitura com uma expectativa de que vai ler o livro da sua vida. "O Irresistível Café de Cupcakes" cumpre o que diz: diversão e romance. Para ser lido em uma tarde acompanhado de um bom cupcake (não necessariamente de blueberry). Recomendo!

15 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Li esse livro tem pouquíssimo tempo e adorei. Um livro bem diferente em muitos aspectos.
    O que me deixou: ahhhhh, já sabia... foi o fato de ficar explícito o suposto romance. Mas, isso não atrapalhou. O livro é muito bom e vale muito a pena. Me surpreendeu.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. É um livro interessante, quando sinto vontade de dar uns tapas na protagonista e porque estou realmente envolvida com o livro. Não é um grande romance, mas é divertido sem exageros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Vontade de dar uns tapas na protagonista" kkkkkkkk concordo!!

      Excluir
  5. Sinto tanto amor por essa capa *-* não sei exatamente sobre o que livro trata... pois não gosto de ler sinopses e resenhas de livros que pretendo ler. Gosto de ler resenha apenas depois da leitura.... Vai entender minha loucura, né Tamy? hahaa Gosto de surpresa. Voltarei para ler a resenha! Ah, e essa moça da capa parece tanto com minha querida Becky! hahah

    Luana
    http://psicoselliteraria.blogspot.com.br/
    @psicoseliteraria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A sua sorte, Lu... É que não solto spoiler nas resenhas.
      E parece mesmo a Becky! hahaha

      Bjo!

      Excluir
  6. Tô precisando de um livro assim, levinho.
    Esse parece ser bem fofo :)

    www.naestradadafantasia.com

    ResponderExcluir
  7. Oi =D

    Pode não ser um livro espetacular, mas eu quero muito ler. Uma leitura leve vai bem <3

    Beijos,
    Livy
    nomundodoslivros

    ResponderExcluir
  8. nossa já vi que esse livro é muito amor

    ResponderExcluir
  9. a página deu erro e acho que meu comentário não foiiii T_T ahahah nao creio!
    Enfim, resumindo a história (hahah) adoro a capa desse livro <3 mas nunca tive muita vontade de ler, apesar de tudo. Porééém, depois de ler suas considerações, fiquei com vontade huauhahu confesso!! Quem sabe não entre na minha lista de próximas aquisições /o/ haha aliás, lindo blog! *__*

    beijo, Lê.

    http://osbeneficiosdebebercafe.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoro ler comentários assim!! Se por acaso ler, vou adorar saber sua opinião <3

      Bjoo!!

      Excluir
  10. Olá! Esse livro parece ser uma doçura mesmo. Gostei da sinopse e do título. Já Vi esse livro, mas nunca dei tanta atenção pra ler algo sobre ele. Gostei de sua resenha VC escreve muito bem.

    Adorei seu blog tbm. Q cantinho lindo!! Parabéns. Estou te seguindo.
    Bjão,
    Blog Vida & Letras
    http://blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigadaaa Diego! Quando puder leia sim, quando quiser algo descomplicado... Passar o fim de semana tranquilo, vai adorar!

      Bjo

      Excluir